FANDOM


O LEÃO, A FEITICEIRA E O GUARDA-ROUPA
O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa
INFORMAÇÕES DO LIVRO
Autor

C.S. Lewis

Ilustrador

Pauline Baynes

Publicador

Geoffrey Bles

Lançamento

1950

País

Inglaterra

Idioma

Inglês

Páginas

208

Anterior

Ordem de publicação:
Nenhum
Cronológicamente:
O Sobrinho do Mago

Seguinte

Ordem de publicação:
Príncipe Caspian
Cronológicamente:
O Cavalo e seu Menino

O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa foi escrito por C.S. Lewis e publicado em 1950. Ele conta sobre a aventura de quatro jovens comuns da Inglaterra, que são Pedro, Susana, Edmundo, e Lúcia Pevensie, que encontraram um caminho para a terra mágica de Nárnia através de um guarda-roupa em que esbarraram em uma velha casa

O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa foi a primeira das Crônicas de Nárnia a serem escritas e publicadas, mas vem a ser a segunda na história cronológica de Nárnia.

Lista de capítulos Editar

  1. Uma Estranha Descoberta
  2. O Que Lúcia Descobriu
  3. Edmundo e o Guarda-Roupa
  4. Manjar Turco
  5. Outra Vez do Lado de Cá
  6. Na Floresta
  7. Um Dia com os Castores
  8. Depois do Jantar
  9. Na Casa da Feiticeira
  10. Encantamento Começa a Quebrar-se
  11. A Aproximação de Aslam
  12. A Primeira Batalha de Pedro
  13. Magia Profunda na Aurora do Tempo
  14. O Triunfo da Feiticeira
  15. Magia Ainda Mais Profunda de Antes da Aurora do Tempo
  16. O Que Aconteceu com as Estátuas
  17. A Caçada ao Veado Branco

Eventos Editar

Dentro do guarda-roupa Editar

Por causa dos perigos da 2ª Guerra Mundial , os quatro Pevensies foram enviados para longe de Londres para a casa do Professor Digory Kirkle, que morava em uma grande casa antiga, com muitos quartos úteis para se esconder e exploração.

Enquanto explorava a casa com seus irmãos, Lúcia decidiu investigar um velho guarda-roupa que ela encontrou em uma das salas remotas. Ao entrar no guarda-roupa, Lúcia se viu caminhando por árvores, ao invés de esperados casacos. Ela apressou-se e viu-se em pé no meio de um bosque de neve ao lado de um lampião, onde ela conheçou Tumnus, o Fauno, que a convidou para sua casa tomar chá. Mais tarde, ele disse a ela que ele tinha a intenção de entregá-la para a Feiticeira Branca, a rainha usurpadora de Nárnia. O fauno, sentindo-se culpado pelo que tinha planejado fazer, ajudou Lúcia a encontrar seu caminho de volta para o guarda-roupa, apesar do risco de que a Feiticeira Branca pudesse encontrá-lo e puni-lo.

Mais tarde, Lúcia tentou dizer a seus irmãos sobre a terra estranha que tinha encontrado, mas eles não acreditaram nela. Durante um jogo de esconde-esconde, Lúcia voltou ao país no guarda-roupa. Edmundo a seguiu para que ele pudesse continuar a provocá-la sobre o seu país "imaginário", e foi surpreendido ao também se ver no lugar descrito pela irmã. Embora ele negasse o ocorrido, mais tarde todos os quatro entrariam no guarda-roupa e iriam para Nárnia. Susana, a mais sensível deles, queria voltar para casa, mas Lúcia convenceu Pedro que eles precisavam ajudar seu amigo, Sr. Tumnus, que havia sido preso.

A Profecia Editar

De volta à Londres Editar

Adaptações Editar

Lugares Editar

Personagens Editar

Por trás das cenas Editar

Dedicatória Editar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.