FANDOM


Pedro -PG

Prince-caspian

Pedro Pevensie (1927-1949) era um ser humano da terra que viajou para Nárnia. O mais velho dos irmãos Pevensie, se tornou rei de Nárnia após a morte da Feiticeira Branca. Responsável e atencioso, sempre querendo fazer o melhor para seus irmãos. Além de O Grande Rei Pedro, recebeu os seguintes Títulos: Pedro, O magnífico, Imperador das Ilhas Solitárias e Senhor de Cair Paravel.


A Feiticeira BrancaEditar

O Bombardeio de LondresEditar

Pedro vivia em Londres com sua família até precisar ser evacuado com os seus irmãos para o campo devido aos bombardeios alemães sobre Londres, durante a Segunda Guerra Mundial. Ficaram em uma mansão antiga a um velho professor conhecido como Professor Kirke. A casa possuía extensos terrenos, dando aos irmãos tempo e lugar para brincarem, mas durante dias chuvosos era tudo calmo e triste. Decidiram então, explorar a casa e todos se separaram pela mansão. Quando Lúcia voltou a encontrar seus irmãos disse ter ficado fora por horas. Todos pensaram que ela estava brincando em relação aquilo, eles foram até o guarda-roupa, mas quando chegaram lá, era apenas um guarda-roupa perfeitamente normal, e Pedro a encorajou a esquecer aquilo. No dia seguinte ainda estava chovendo, decidiram brincar de esconde-esconde. Quando Edmundo e Lúcia encontraram os outros, Lúcia mais uma vez insistiu que ela havia visitado um país dentro do guarda-roupa, e dessa vez Edmundo esteve nele também. Edmundo, envergonhado negou o ocorrido, deixando Lúcia com raiva. Durante a noite, Pedro e Susana ficaram com Lúcia e decidiram conversar com o professor sobre o assunto.

LógicoEditar

"Lógico, porque não ensinam mais lógica nas escolas?"
-Digory Kirke
O professor não deu a ajuda que eles queriam, mas de um modo diferente ele ajudou a estabelecer que Lúcia era e sempre foi mais verdadeira e confiável do que Edmundo, e que ela não estava louca apenas por olhar para ela já se percebia isso. Portanto, ela tinha que estar dizendo a verdade. Pedro e Susana ficaram chocados com o fato de que talvez existisse mesmo um mundo dentro de um guarda-roupa. Mas Lúcia teria ficado horas nesse mundo, e apenas
2
minutos na terra? O professor então, sugeriu que o outro mundo, provavelmente executa seu próprio tempo, então Lúcia poderia ter passado quanto tempo fosse, que no nosso tempo seria a mesma coisa, ou quase a mesma coisa. Pedro concluiu, que se esse mundo realmente existisse, Edmundo esteve mesmo com Lúcia, e mentiu para provocá-la.

NárniaEditar

A casa do professor era frequentemente visitada, e a governanta Macready mostrava aos visitantes toda a casa e o que nela havia. Macready não gostava de crianças, mais ainda quando estava com visita. Certo dia as crianças perceberam que ela e um grupo de visitantes estavam perto do lugar onde eles estavam, rapidamente correram para o quarto mais longe possível, Macready parecia segui-los, até que finalmente encontraram um quarto aonde podiam se esconder. Era um quarto de hóspedes, o mesmo onde o guarda-roupa estava. Foi Edmundo que pediu para que seus irmãos entrassem no guarda-roupa a fim de esconderem. Após entrarem lá,
Narniabackgroundlake
perceberam que nevava, quando todos viram que o mundo que Lúcia havia encontrado realmente existia, pediram desculpas.

Colocaram alguns casacos que encontraram no guarda-roupa e partiram para explorar a floresta. Edmundo comentou sobre a direção que deveriam tomar, revelando que havia ido lá antes. Pedro decidiu que Lúcia deveria guia-los. Lúcia por sua vez, os levou para a casa do Sr. Tumnus, um fauno que ela tinha conhecido na primeira vez que foi em Nárnia. Ao chegarem lá descobriram que ele havia sido preso pela polícia da Feiticeira Branca, Lúcia então conta que ele foi preso por sua causa, já que a Feiticeira que se nomeava Rainha de Nárnia, havia proibido contato com humanos. Pedro decidiu ajuda-lo.

Pai NatalEditar

Na casa do Fauno, são atraídos por um pássaro que os leva até um castor falante que diz que conhece o Sr. Tumnus, então ele os leva para a sua casa. Lá, o castor lhes conta sobre uma profecia que dizia que dois filhos de Adão e duas Filhas de Eva se sentariam sobre os quatro tronos de Cair Paravel e dariam fim a Feiticeira e o
SANTA-2
seu reinado de inverno. Enquanto eles ouviam isso, Edmundo os traiu partindo escondido para o castelo da Feiticeira Branca. O Sr. Castor sabendo o que tinha acontecido, explicou aos Pevensie que a única pessoa que poderia ajudar Edmundo agora era Aslam, o grande leão que estava esperando por eles na Mesa de Pedra.

No caminho para o acampamento de Aslam, Pedro recebeu sua espada e o escudo do Pai Natal. Este foi um sinal de que o poder da Feiticeira Branca estava se enfraquecendo.

Depois que os irmãos chegaram ao acampamento de Aslam, Suas irmãs foram atacadas por pelo menos dois lobos da polícia secreta da Bruxa, e Aslam incentivou Pedro a expulsá-los. Na luta, Pedro matou o lobo capitão Maugrim, o outro lobo fugiu, levando guerreiros de Aslam até Edmundo, que foi libertado.

Batalha do BerunaEditar

Battle-Peter
Pedro e seu Supremo General Oreius comandaram as formações iniciais do exército de Aslam durante a Batalha de Beruna, onde Pedro pessoalmente duelou com Feiticeira Branca. A batalha já durava bastante tempo quando Aslam voltou para o seu exército com Susana e Lúcia, e com todos os narnianos que foram transformados em pedra para se juntarem à batalha. Logo depois, os narnianos ganharam a batalha.

Grande Rei de NárniaEditar

Pedro foi coroado por Aslam como Grande Rei Pedro, o Magnífico, Senhor de Cair Paravel e Imperador das Ilhas Solitárias, cada um de seus irmãos partilharam o trono. A antiga profecia havia se cumprido, dois filhos de Adão e duas filhas de Eva haviam se sentado nos quatro tronos de Cair Paravel. Isto marcou o fim do longo inverno e foi o início da Idade de Ouro de Nárnia.

Uma das vitórias do Rei Pedro, durante a Idade de Ouro
PDVD 109
foi a Guerra do Penhasco de Ettin, onde afastou os Gigantes do Norte. 1015 em Nárnia os quatro irmãos Pevensie, agora adultos, em uma caçada a um veado branco enigmático os levou de volta para o Ermo do Lampião, onde Lúcia lembra algo sobre "sala vazia" que os leva de volta para o guarda-roupa onde se tornaram crianças novamente, desaparecendo de Nárnia. As crianças disseram ao Professor Kirke tudo sobre o que tinha acontecido, e hesitante perguntaram se ele achava que jamais voltariam a Nárnia. Ele assegurou-lhes que, talvez um dia seria possível.

Dominação TelmarinaEditar

Uma Nárnia diferenteEditar

Um ano mais tarde na terra, os Pevensie foram levados de volta para Nárnia. O telmarino Caspian X, um príncipe, tinha assoprado a trompa da Rainha Susana (um de seus presentes do Pai Natal) e trouxe os dois reis e rainhas de volta para Nárnia. No tempo de Nárnia havia passado mais de mil anos desde o reinado de Pedro como Grande Rei, os narnianos ainda respeitavam o seu título (como Aslam
Peter,susan,edmund & lucy
disse em "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa", "Uma vez um rei ou rainha de Nárnia, sempre um rei ou rainha de Nárnia. "). Agora Nárnia estava dominada pelos Telmarinos, e os Narnianos eram perseguidos e oprimidos.

Batalha de AslamEditar

Os irmãos Pevensie ajudaram Caspian a derrotar seu tio Miraz, irmão do pai de Caspian que tentava tomar o trono. Após a Revolução de Nárnia, Pedro formalmente deu autoridade para Caspian liderar Nárnia como rei sucessor. Pedro mais tarde confidenciou a Lúcia e Edmundo que ele e Susana foram avisados ​​por Aslan de que não voltariam mais a Nárnia, como estavam agora muito velhos e tinham aprendido tudo o que podiam aprender a partir deste mundo. As quatro crianças voltaram ao seu mundo.

País de AslanEditar

Visão NarnianaEditar

1949 (ano Nárnia 2555), Pedro e os outros sete amigos que foram a Nárnia receberam uma visão do atual rei de Nárnia, o rei Tirian. Deixando todos com a sensação de que algo estava muito errado em Nárnia. Depois de algumas discussão sobre o que poderiam fazer, eles decidiram tentar usar os anéis mágicos que o Professor e Polly Plummer tinham usado para chegar a Nárnia e ver se eles poderiam saber ao certo o que estava acontecendo. Pedro e Edmundo foi buscar os anéis, e os outros estavam para esperando eles na estação de trem. Por uma estranha coincidência, eles estavam no mesmo trem que o Sr. e a Sra. Pevensie. O trem estava chegando na estação, algo correu mal e houve um acidente horrível.Pedro percebiu agora, que estava vestido com trajes de Nárnia num prado verdejante junto com Edmundo, Lúcia, o Professor e Sra. Plummer.

A Verdadeira NárniaEditar

Pessoas vinham constantemente através de uma porta que ficava no prado - uma coisa curiosa, como não havia nada do outro lado. Quando o rei Tirian veio, Pedro foi o primeiro a se apresentar. O mundo de Nárnia foi destruído no final, Pedro recebeu um pedido de Aslan para fechar a porta de Nárnia para sempre, e então foram para o País de Aslam. Aslan explicou que a Nárnia que haviam conhecido e amado tinha sido apenas uma sombra da verdadeira Nárnia. Como Pedro e os outros eram, na verdade, mortos, que nunca seriam enviados de volta para casa na Inglaterra, poderiam permanecer em uma Nárnia que era maior e melhor do que o que eles conheciam.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.